Estátua de Pessanha

Publicado terça-feira, outubro 6th, 2020 em 2:01

Composição de Jaime Reis
Estátua de Pessanha (2001; rev. 2003/2004), for piano, bass flute and video

Piano: Ana Cláudia Assis
Bass flute: Felipe Amorim
Video: Pedro Aspahan

The video part is written in the score and it should be made in a similar way as the pianist and flutist perform their parts. It’s also an interpretation, not as a simple technical guideline, but as a vision that one what’s to show to an audience, based on an idea that is written in the score.

This recording took place in Belo Horizonte (Brazil), in 2011.

For more info, please check my website:
http://www.jaimereis.pt

A obra é baseada no poema homónimo, “ESTÁTUA”, de Camilo Pessanha.

Cansei-me de tentar o teu segredo:
No teu olhar sem cor, – frio escalpelo,
O meu olhar quebrei, a debatê-lo,
Como a onda na crista dum rochedo.

Segredo dessa alma e meu degredo
E minha obsessão! Para bebê-lo
Fui teu lábio oscular, num pesadelo,
Por noites de pavor, cheio de medo.

E o meu ósculo ardente, alucinado,
Esfriou sobre mármore correcto
Desse entreaberto lábio gelado…
Desse lábio de mármore, discreto,
Severo como um túmulo fechado,
Sereno como um pélago quieto.